No ano de 2008, teve início o Projeto Casa de Acolhimento Livre Ser, que presta à sociedade o serviço de acolhimento a crianças e adolescentes vítimas de situações de alto risco e vulnerabilidade social. O projeto de acolhimento realizado pelo Instituto Livre Ser é um projeto cuja denominação oficial é Serviço de Acolhimento Institucional de Crianças e Adolescentes (SAICA), um serviço de proteção especial de alta complexidade.

O projeto tem uma equipe contratada de profissionais qualificados e capacitados, com uma estrutura de funcionamento integral e investimentos robustos. Atuamos junto aos órgãos competentes quando há alguma violação dos direitos das crianças e dos adolescentes, vítimas de negligência, abandono, maus tratos, exploração, abusos e todo tipo de violência.

Em conformidade com as exigências do Estatuto da Criança e do Adolescente, marco legal e regulatório dos direitos humanos das crianças e adolescentes, nossos acolhidos frequentam escolas, recebem reforço escolar, participam de atividades de engajamento cultural e atividades externas de lazer, além de terem acompanhamento a consultas e exames médicos e odontológicos, segundo as necessidades de cada uma, inclusive psicológica e psiquiátrica.

O trabalho de alta complexidade também tem como propósito a reinserção das crianças e adolescentes em suas famílias de origem. Na impossibilidade, o projeto atua junto à autoridade judiciária na busca por uma família substituta ou adotiva. Quando as chances de reinserção se esgotam, os adolescentes que permanecem na casa até sua maioridade são preparados para o desacolhimento, treinados para o mercado de trabalho, a fim de serem reinseridos na sociedade.